Dicas, empreendedorismo, produtividade

Dicas práticas de organização da rotina!

Oi oi, Gente!

Hoje venho com um assunto do qual gosto bastante: ORGANIZAÇÃO!

Ultimamente, tenho percebido o quanto venho me tornando uma pessoa organizada. Ok, meio psica às vezes, eu admito… mas isso sempre me trouxe muito mais benefícios, que malefícios.

Comecei a colocar no papel tudo o que costumo fazer pra me organizar e até eu me surpreendi com a quantidade de coisas, rsrs. Então, resolvi compartilhar essas dicas aqui.

Para não ficar tão extenso (eu disse, é muita coisa), vou dividir em dois posts.

OBS: Se você preferir ver este post em forma de vídeo, clique AQUI.

Sem mais delongas, vamos ao primeiro tópico que separei pra falar aqui:

ESCREVER TUDO!

Tudo mesmo! Eu sou a louca do caderninho, me ajuda demais, porque sou muito esquecida. O que eu não escrevo em algum lugar, pode ter certeza, não vou dar atenção.

Tenho um caderno para cada “área” (digamos assim), onde eu tenho tarefas a realizar: Um planner, aonde organizo as minhas metas, compromissos, atividades e controle financeiro; um caderninho só para minha loja virtual, no qual eu escrevo exatamente todas as informações referentes a produtos, pedidos, custos, planejamento, etc; e um caderninho só para anotar as ideias e roteiros para posts e vídeos que faço aqui pro blog e pro canal.

Mas como funciona na prática? Como eu organizo, de fato, a minha rotina?

Primeira coisa que eu faço, antes de qualquer outra, é escrever (no meu caso, uso o planner) todas as metas macro que tenho para o ano. Aqui, eu sonho mesmo, sonho grande. Coloco realmente tudo o que eu almejo para o ano. Pode até parecer não valer muita coisa, ou parecer impossível demais, mas faça! Esse vai ser o seu primeiro Norte, pontos nos quais você vai focar, para direcionar suas ações.

Assim, vai ficar bem mais fácil dizer não ou dar menos atenção ao que não está em foco! O importante aqui, pra mim, é criar um Norte.

Ah, e é super importante você escrever essas metas macro da forma mais palpável possível. Como assim?

Você precisa saber O QUE você quer, PARA QUANDO você quer e COMO você vai fazer para alcançar aquilo.

Exemplo de uma meta macro: Quero ler mais este ano, ter o hábito da leitura.

Tornando essa meta mais palpável…

Quero ler 6 livros até o final do ano. Para isso, vou ler 1 livro a cada dois meses.

Exemplo de outra meta macro: Quero emagrecer, ser mais saudável.

Tornando essa meta mais palpável…

Quero emagrecer 5 Kg até o final do ano. Preciso praticar exercícios pelo menos 4 vezes na semana, durante 40min, e tentar não sair da dieta durante a semana.

Ok, metas macro estabelecidas, e aí?

A partir daí, eu sigo para as metas dos meses, que, como já falei antes, vão se basear naquelas que estabeleci para o ano. Não, eu não saio dividindo tudo que eu quero fazer por todos os meses do ano. À medida que os meses vão passando, eu vou tendo noção do que dá pra ser feito naquele ou em outro mês ou do que precisa ser feito naquele ou em outro mês. E assim vou fazendo…

nrey7348

Usando o exemplo do livro, já sei que, em cada mês, preciso ler metade de um livro. Se, por acaso num mês, eu não conseguir cumprir essa meta, a meta vai dobrada para o mês seguinte. Do contrário, caso ocorra de eu ultrapassar, também funciona, porque já fico com folga para o mês seguinte.

Isso ajuda a ter noção do que está em falta, no que dá pra aliviar, no que é preciso focar, enfim…

Depois é que vou para a organização da minha semana, da minha rotina propriamente dita. No meu Planner, consigo ter uma visão ampla, de todos os dias ao mesmo tempo, o que facilita bastante a minha organização.

hrdl8345

Começo pelas atividades fixas, que se repetem ao longo da semana, como “academia”. Depois, passo para os compromissos marcados e tarefas a serem realizadas.

Tá vendo aí na foto esse espaço “para essa semana”? Isso também é muito útil. Serve para aquelas atividades em que você não sabe ao certo em qual dia poderá ou deverá realizá-las. Então, você as escreve nesse espaço e vai encaixando no decorrer da semana.

Outra coisa ESSENCIAL é planejar o dia seguinte na noite anterior. Fica muito mais fácil relaxar a mente dessa forma, sabendo que você só tem que seguir o que está escrito ali. Fico super perdida quando acordo e não tenho um norte, não sei por onde começar.

Se você deixar para planejar o seu dia só quando acordar, já vai perder o tempo precioso dele.

Ah! Não esqueça de ir conferindo aquelas metas do mês que você estabeleceu, a fim de dar o check nos objetivos cumpridos, bem como verificar o que ainda falta fazer, para encaixar na semana.

Pra finalizar essa primeira parte, uma dica para quem tem trabalho para entregar periodicamente. Por exemplo, quem trabalha com internet vai entender bem, porque geralmente precisa fazer postagens com frequência.

Você pode separar um dia na semana ou no mês para já fazer todas as postagens e programá-las, assim como qualquer outro trabalho rápido que precisa ser feito várias vezes.

Bem, continuando… (se você preferir ver este post em formato de vídeo, clique AQUI)

Outra coisa que uso bastante é o calendário do celular, onde eu agendo compromissos com horário marcado (consultas médicas, reuniões, etc) e peço para me alertar no dia anterior, bem como 2 horas antes do evento. Porque se eu tiver esquecido completamente, ainda tenho um tempo pra me arrumar e chegar ao local.

Isso não quer dizer que esses compromissos não estarão no meu planner. Estarão sim! Como disse, gosto de ver exatamente tudo o que vou fazer nos meus dias, daquela forma que expliquei no post anterior. Esses alertas no calendário do celular são só um plus!

Além disso, ter um mínimo de rotina é fundamental para mim. Não que eu deseje que os dias e semanas sejam todos iguais, mas ter atividades periódicas, com horários fixos e pré-estabelecidos, é super importante para minha organização.

Junto a isso, também preciso fazer alguma atividade física. Exercitar o corpo me dá um gás surreal para cumprir minhas atividades diárias, além de deixar minha mente muito mais ágil.

No contexto saudável, também acredito demais que o hábito de acordar cedo faz toda a diferença para a organização pessoal. O dia rende muito quando você começa a produzir logo cedo. Não tem sensação melhor do que chegar no horário de almoço e perceber o tanto de tarefas já cumpridas. Parece que te dá ânimo para fazer ainda mais.

E se eu puder começar resolvendo os compromissos e atividades mais difíceis, melhor! Porque ainda estarei com bastante energia. À medida que sua “bateria” vai descarregando, é legal que as tarefas fiquem mais simples e leves ao longo do dia. Então, faça tudo que é mais “chato” logo cedo.

Outra coisa suuuper essencial, sem dúvidas, é manter o meu AMBIENTE ORGANIZADO e LIMPO. Eu simplesmente não entendo como as pessoas conseguem viver na bagunça. A minha mente trava completamente se as minhas coisas estão fora do lugar. Você não consegue achar o que precisa, perde tempo procurando… Não, definitivamente não funciono assim. Aquele papo de que “a minha bagunça é organizada” não cola pra mim.

5s

E para manter o ambiente, digamos, clean, eu sempre estou trocando, VENDENDO ou doando as coisas que não utilizo mais.

Vejo muita gente acumulando coisas das quais nem se lembram e perdendo, com isso, um super dinheirinho.

Eu já tenho esse hábito de vender minhas coisas. Quando estou precisando de uma grana extra, sempre junto várias coisas encostadas e coloco na OLX (melhor site para vender coisas usadas).

Nesse último mês, inclusive, fiz exatamente isso, porque estava precisando de um dinheiro para viajar. Arrecadei mais de R$ 1.200,00 (mil e duzentos reais) em menos de duas semanas.

 

Próxima vez que eu fizer uma limpa dessas, eu vou até gravar para colocar lá no canal e aqui no blog, explicando direitinho como eu faço.

Além de tudo isso que já falei, também adoro fazer LISTAS. Sou a doida da lista. Faço listinha para tudo. Afazeres, presentes, compras, o que precisa ser consertado, com quem preciso falar… e por aí vai!

A lista vai funcionar como aquelas metas sobre as quais falei na primeira parte desse post, te ajudando a ter FOCO. Só que aqui você vai usá-las para tudo, não só para as atividades que você tem que cumprir.

Quando você anota, por exemplo, tudo o que precisa comprar (o que é realmente necessário), não fica perdido, porque já vai direto nas lojas onde estão aqueles itens, bem como vai conseguir dizer não a outros que aparecerem pelo caminho, vez que não são prioridades. Já que você não lembrou deles na hora de fazer a sua lista, muito provavelmente eles não são essenciais naquele momento.

Organização muda a vida completamente!

Apenas tente. Logo, você nem se lembrará como era viver sem planejamento e organização.

Você inclusive pode descobrir o quanto é produtivo e não sabia.

Espero ter ajudado de alguma maneira com essas dicas. Se você tem alguma dica de organização, coloca aqui nos comentários que eu vou adorar!

Um comentário em “Dicas práticas de organização da rotina!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s